Elas são cheias de charme

“Levo vida de empreguete, eu pego às sete…”. Essa música virou hit e agora o Brasil inteiro não só conhece, mas também ama as estrelas da novela Cheias de Charme. O que pouca gente parece se lembrar é que, apesar do sucesso estrondoso das Empreguetes, essa não é a primeira vez que as domésticas ganham destaque nas novelas.

Vamos relembrar as empregadas mais marcantes da televisão brasileira?

A desajeitada faxineira Ana Francisca, de Chocolate com Pimenta (2004), foi interpretada por Mariana Ximenes. Ana era desprezada por todos e constantemente era motivo de piadas, até que se casou com Ludovico, seu único amigo e poderoso dono de uma fábrica de chocolates. Juntos, se mudam para Buenos Aires, onde o marido acaba falecendo anos depois. Quando retorna a Ventura, Ana está completamente mudada e surpreende a todos, ficando conhecida como a elegante e cobiçada “viuvinha”.

 Lucy Ramos deu vida à personagem Maria Cesária, em Cordel Encantado (2011). No princípio, a garota não passava de uma humilde cozinheira que trabalhava para o prefeito de Brogodó. Só que além de talentosa na cozinha, ela era charmosa e cativante. Resultado? Ela conquistou o coração do rei Augusto e se tornou rainha de Seráfia.

E, como não podiam faltar, as queridinhas  Penha, Rosário e Cida, de Cheias de Charme (2012), interpretadas por Taís Araújo, Leandra Leal e Isabelle Drummond, respectivamente. Elas viveram uma história digna de Cinderela: começaram na novela como empregadas e agora são estrelas do pop! São tão carismáticas que conquistam crianças e adultos de todas as idades.  Além disso, são a cara da alegria, do gingado e do bom humor brasileiro.

Que melhor forma de terminar o post do que curtindo a música “Vida de empreguete”, não é mesmo?

E aí, qual empregada das telinhas foi inesquecível pra você?

Deixe uma resposta