Com estilo e sem marcas

Toda mulher sabe: a escolha da lingerie errada pode transformar toda a produção em um perfeito desastre! Ninguém se arruma para evidenciar dobrinhas ou deixar marcas sob a roupa, e foi pensando nisso que fizemos um guia para tirar, de uma vez por todas, suas dúvidas a respeito de uma das peças mais importantes do seu guarda-roupa: a calcinha.

01

1) O primeiro passo é saber qual peça se adequa melhor ao seu tipo de corpo: as magrinhas podem abusar das calcinhas com laterais bem finas e fio dental. As mais cheinhas podem optar sem medo pelos modelos sem costura e com laterais largas.

2) Se a vontade é disfarçar a barriga, é melhor escolher uma calcinha de compressão com cós alto. Para dar uma modelada na silhueta inteira, o ideal é optar por um short modelador.

3) Para quem tem o bumbum grande, os modelos parecidos com shortinhos ajudam a deixar tudo no lugar.

4) Se a roupa for de cor clara ou tiver alguma transparência, é fundamental que a calcinha escolhida tenha uma cor mais semelhante possível do seu tom de pele. Isso quer dizer que nem sempre o bege é a melhor escolha. Se tiver a pele mais escura, escolha o chocolate. Se for muita branca, prefira um tom neutro mais rosado.

5) Como as lingeries de compressão são feitas com tecidos mais resistentes, prefira usá-las sob roupas mais estruturadas.

6) O segredo é experimentar. O modelo da roupa, o tecido escolhido, o recorte da lingerie, tudo vai influenciar no resultado final, então não conte com a sorte. Tudo isso vai depender para que a sua noite seja um sucesso, com a confiança e o bem estar que só um look perfeito pode proporcionar.

Ainda tem alguma dúvida? Deixe-a nos nossos comentários, teremos o maior prazer em respondê-la!

Deixe uma resposta