O figurino incrível da vilã Vitória, em Boogie Oogie

Este mês, na Rede Globo, tivemos o prazer de conferir a estréia da nova novela da 6, Boogie Oogie, escrita por Rui Vilhena, que entrou no lugar de Meu Pedacinho de Chão. O que chama bastante atenção na trama é o figurino dos personagens que é cheinho de referências dos anos 70, a década em que se passa a novela. A figurinista do folhetim, Marie Salles, destaca como inspirações o filme Embalos de Sábado à Noite, o estilo americano e o hippie. Ombreiras, leggings, neon, maquiagem forte, cintura alta e muito brilho estão presentes no visual dos personagens e prometem dar o que falar.

novela_6

boogie_oogie-novela

A história da novela tem como vilã a personagem Vitória, interpretada pela atriz Bianca Bin, que vai aprontar poucas e boas para não perder o noivo Rafael (Marcos Pigossi) para a doce hippie Sandra (Ísis Valverde). O figurino dela super combina com a personalidade da personagem que é explosiva e mimada, Vitória ama ir para a balada e é super ligada nas tendências de moda da época, por isso o apelo disco é muito forte no seu visual.

look_vitória1

A personagem é viciada em estampas, acessórios extravagantes (amamos todos os óculos escuros dela!), estampas coloridas, cintura alta, muito brilho e usa as famosas meias de lurex que era a sensação da década de 70. Vitória também é super adepta da sutiã à mostra e abusa da barriga de fora, que tal se inspirar nela na hora de comprar suas lingeries?

boogie

Bianca Bin, que teve que platinar os cabelos para viver a Vitória, diz que está adorando as peças da personagem e admite que apesar de ser bem mais básica do que ela, acabou absorvendo várias das tendências usadas pela personagem – o que pôde ser observado na coletiva de imprensa e na festa de lançamento de Boogie Oogie, em que a atriz apareceu com dois visuais incríveis.

No primeiro look, ela aparece com lingerie à mostra por baixo de uma camisa transparente, deixando o visual super moderno com o truque do tom sobre tom.

boogie_novela

Mas especial mesmo, foi esse segundo look em que ela ousou e arrasou com esse top sensacional com ares de sutiã, barriga tanquinho de fora e saia lápis que levou um ar de elegância equilibrando o visual. AMAMOS e achamos que a atriz ficou lindíssima. :))

bianca_bin_look

E aí você já conferiu a novela Boogie Oogie? O que achou do figurino dos personagens?

Elas são cheias de charme

“Levo vida de empreguete, eu pego às sete…”. Essa música virou hit e agora o Brasil inteiro não só conhece, mas também ama as estrelas da novela Cheias de Charme. O que pouca gente parece se lembrar é que, apesar do sucesso estrondoso das Empreguetes, essa não é a primeira vez que as domésticas ganham destaque nas novelas.

Vamos relembrar as empregadas mais marcantes da televisão brasileira?

A desajeitada faxineira Ana Francisca, de Chocolate com Pimenta (2004), foi interpretada por Mariana Ximenes. Ana era desprezada por todos e constantemente era motivo de piadas, até que se casou com Ludovico, seu único amigo e poderoso dono de uma fábrica de chocolates. Juntos, se mudam para Buenos Aires, onde o marido acaba falecendo anos depois. Quando retorna a Ventura, Ana está completamente mudada e surpreende a todos, ficando conhecida como a elegante e cobiçada “viuvinha”.

 Lucy Ramos deu vida à personagem Maria Cesária, em Cordel Encantado (2011). No princípio, a garota não passava de uma humilde cozinheira que trabalhava para o prefeito de Brogodó. Só que além de talentosa na cozinha, ela era charmosa e cativante. Resultado? Ela conquistou o coração do rei Augusto e se tornou rainha de Seráfia.

E, como não podiam faltar, as queridinhas  Penha, Rosário e Cida, de Cheias de Charme (2012), interpretadas por Taís Araújo, Leandra Leal e Isabelle Drummond, respectivamente. Elas viveram uma história digna de Cinderela: começaram na novela como empregadas e agora são estrelas do pop! São tão carismáticas que conquistam crianças e adultos de todas as idades.  Além disso, são a cara da alegria, do gingado e do bom humor brasileiro.

Que melhor forma de terminar o post do que curtindo a música “Vida de empreguete”, não é mesmo?

E aí, qual empregada das telinhas foi inesquecível pra você?